BLOG

MONTSEGURO

Acompanhe os melhores conteúdos sobre planos de saúde e qualidade de vida.

Qual a diferença entre gripe e resfriado?

Quem nunca confundiu a gripe e resfriado?

Isso porque essas duas condições possuem sintomas bastante parecidos e, também, são muito comuns entre pessoas de todas as idades.

No entanto, gripe e resfriado não são a mesma coisa e aqui nesse artigo vou te mostrar existem alguns aspectos que os diferenciam.

Acompanhe essa leitura!

Qual a diferença entre gripe e resfriado?

Antes de qualquer coisa, precisamos entender o que essas duas coisas tem em comum. Nesse sentido, tanto a gripe quanto o resfriado  são causados por vírus, atingem o sistema respiratório e possuem sintomas parecidos, veja a seguir:

  • Nariz congestionado;
  • Mal-estar;
  • Dor de garganta;
  • Dor de cabeça;
  • Coriza;
  • Febre.

Por outro lado, existem as diferenças, vamos ver quais são?!

A primeira diferença é que o resfriado é causado pelo rinovírus. Dessa forma, a incidência dele é mais frequente e os sintomas são mais leves.

O resfriado atinge a parte alta superior do sistema respiratório, isto é:

  • Garganta,
  • Traqueia,
  • Brônquios,
  • Mucosas e
  • Seios nasais.

Assim sendo, geralmente os sinais e sintomas dessa condição podem ser coriza, febre baixa, nariz entupido e garganta arranhando.

Com duração aproximada de dois a cinco dias e costuma não atrapalhar a rotina. Dessa forma, se você estiver resfriado vai dar conta de fazer suas atividades, mesmo que esteja um pouco indisposto.

Já a gripe é provocada pelo vírus Influenza, é mais raro de ocorrer e apresenta sintomas mais intensos.

A gripe atinge as vias aéreas inferiores, como os brônquios, bronquíolos e alvéolos. Com isso, os sintomas podem ser:

  • Tosse,
  • Febre alta,
  • Acima de 38º,
  • Mal-estar generalizado,
  • Prostração e
  • Dor no corpo.

Nesse caso, por ser uma infecção mais grave, você ficará de cama e totalmente indisposto.

A duração da gripe também é diferente. Pode durar aproximadamente de 7 e 10 dias, exigindo do corpo um tempo maior de recuperação.

Geralmente, a gripe é mais rara de acontecer do que o resfriado e, por ser uma infecção mais forte, pode evoluir para outras doenças mais graves como pneumonia.

Ao longo do tempo, o vírus sofre diversas mutações, dessa forma, as vacinas contra a gripe devem ser feitas anualmente, pois no ano seguinte o vírus já está modificado e a vacina anterior não é capaz de evitá-la.

Como funciona a transmissão?

Fala, tosse, espirros, secreção nasal e contato direto das mãos contaminadas com o nariz, boca ou olhos são formas de transmissão da gripe e do resfriado.

Isso porque quando uma pessoa infectada espirra sem proteção, ela espalha os vírus pelo ambiente e, ao respirar aquele mesmo ar, uma pessoa saudável tem grandes chances de ficar doente também.

O que fazer para evitar a gripe e o resfriado?

Para evitar a gripe e o resfriado podemos tomar algumas atitudes, como as que você verá abaixo:

  • Usar soro fisiológico para lavar as narinas e eliminar o vírus.
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal.
  • Evitar tocar os olhos, nariz e boca.
  • Evitar ambientes com aglomeração de pessoas.
  • Tomar a vacina da gripe anualmente.
  • Lavar as mãos com frequência, usando água e sabão.
  • Usar álcool gel 70% nas mãos, nas maçanetas, em bancadas e outras superfícies para eliminar os vírus presentes nesses locais.
  • Não espirrar ou tossir em ambientes fechados.
  • Usar o braço ou um lenço de papel no rosto ao tossir ou espirrar, descartando-o em seguida.
  • Ventilar o ambiente onde está, permitindo a entrada de sol e vento.
  • Manter uma alimentação saudável, ingerir uma boa quantidade de água, dormir bem e manter o estresse sob controle para fortalecer o sistema imunológico.

Montseguro Corretora: encontre o plano de saúde perfeito para você!

A gripe e o resfriado são doenças que afetam o sistema respiratório, de formas diferentes. Você pode ver neste artigo quais as semelhanças e diferenças entre elas.

Sendo assim, procure se proteger contra a gripe e o resfriado realizando visitas frequentes ao seu médico. Nas consultas de rotina, é mais fácil descobrir alterações no organismo que facilitam a instalação de doenças.

Nesse sentido, a Montseguro pode te ajudar!

Entre em contato conosco e saiba mais sobre os planos de saúde disponíveis!